Hospital: saiba como proporcionar rentabilidade e gerar valor para a sua instituição - Notícias - AHEG - Associação dos Hospitais do Estado de Goiás

Notícias

Hospital: saiba como proporcionar rentabilidade e gerar valor para a sua instituição

Publicado em : 11/05/2022

O conceito de geração de valor nos Hospitais tem a sua essência na ideia de superar expectativas, ou seja, proporciona uma experiência para além do simples cumprimento dos acordos pré-estabelecidos com o corpo clínico, fornecedores e pacientes. Nesse sentido, distante de uma leitura subjetiva, a geração de valor para os stakeholders é uma estratégia indispensável para as instituições competitivas, que miram a longevidade e sustentabilidade dos negócios. Na Saúde, não é diferente, tendo sido esse o tema do 6º Congresso Nacional de Hospitais Privados (Conahp).

Por ter uma organização única, repleta de particularidades inerentes ao setor, como a legislação, as Instituições de Saúde têm o desafio de conciliar as expectativas do próprio Hospital, dos profissionais e dos pacientes. Nesse cenário, a tecnologia revela-se imperativa ao eliminar processos dispendiosos, burocráticos e contraproducentes, como a documentação em papel.

Assim, soluções capazes de diminuir os custos do Hospital, otimizar a rotina dos médicos e, simultaneamente, proporcionam uma melhor experiência para os pacientes já são uma realidade. Dessa forma, a geração de valor no setor é potencializada pela tecnologia, que proporciona, por exemplo, a interoperabilidade entre sistemas diferentes.

Nos Hospitais, o uso da tecnologia tem registrado números importantes, como a redução dos custos operacionais em 55%, melhora na segurança do paciente em 61% e aumento em 72% na qualidade do atendimento como um todo. Os números são resultado de uma pesquisa realizada pela Zebra Technologies.

Continue a leitura e saiba como gerar valor e resultados para o seu Hospital.

O que é a geração de valor na Saúde?

Gerar valor diz respeito às conexões estabelecidas com cada público, de forma a proporcionar uma experiência positiva e memorável. Para Philip Kotler, um dos expoentes dessa perspectiva, a geração de valor está na superação das expectativas.

Por exemplo, um paciente ao se consultar via Telemedicina e receber no celular a prescrição do médico, tem uma jornada mais ágil, segura e centrada nas necessidades de mobilidade dele. Dessa forma, uma ação de rotina gera uma lembrança positiva.

Nesse mesmo exemplo, o médico não precisou se deslocar, acessou de forma centralizada o histórico do paciente e, ao eliminar burocracias como essas, se concentrou no paciente, priorizando a sua atuação enquanto profissional de Saúde e não administrativo.

Já o Hospital eliminou custos com impressão e armazenamento dos documentos do paciente, salvando-os com segurança em nuvem.

Dessa forma, uma mesma tecnologia gera valor para os diferentes públicos, os quais têm suas necessidades atendidas e, de forma complementar, tem outras demandas contempladas, como a economia de tempo e recursos.

Hospital: como gerar valor para a instituição?

Nos ambientes hospitalares, esse objetivo passa necessariamente pela otimização dos processos, desde os administrativos, até os clínicos. Nesse cenário, a digitalização das tarefas e a interoperabilidade dos sistemas ganham relevância ao viabilizarem um ciclo virtuoso de ações integradas e coordenadas.

Desse modo, essa integração viabiliza uma gestão estratégica baseada em dados abrangentes, possibilitando uma melhor alocação dos recursos, de modo a maximizar o desempenho das organizações.

De acordo com levantamento da IBM, realizado em 20 países, 6 em cada 10 empresas aceleraram projetos de digitalização, sendo que 51% dos executivos planejam priorizar ações desse tipo nos próximos dois anos.

Assim, gerar valor e resultados para o Hospital são perspectivas complementares, que ao terem as estratégias somadas, catalisam o desempenho das instituições.

Na prática, as instituições podem, por exemplo:

 

  • Digitalizar processos: com a adesão ao Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP), Telemedicina e prescrição a distância. Assim a experiência de médicos e pacientes é mais positiva, ao passo que os Hospitais economizam recursos e se aproximam de certificações como a HIMSS e a Acreditação ONA.

 

  • Interoperabilidade dos sistemas: a sinergia entre os sistemas é fundamental para uma gestão baseada em dados. Integrado às soluções de Identidade Digital e Assinatura Eletrônica, o ERP, por exemplo, gera uma importante vantagem competitiva às Instituições de Saúde ao centralizar informações e, simultaneamente, adicionar uma camada importante de proteção, em conformidade com a LGPD.

Vale lembrar que, por lidarem diariamente com um grande volume de informações sensíveis e sigilosas, as instituições de Saúde ficam em maior evidência no que diz respeito aos ataques cibernéticos. Nesse cenário, em um ano, o volume de tentativas de ataques online cresceu 715%, de acordo com a consultoria norte-americana Frost e Sullivan.

Rentabilidade x Geração de valor: como proporcionar os dois ao Hospital?

No âmbito da Saúde, a integração de hospitais com empresas de tecnologia é cada vez mais frequente, possibilitando que as organizações aperfeiçoem processos e, dessa forma, aumentem a rentabilidade e reduzam custos operacionais. De modo adicional, são viabilizadas jornadas mais fluidas.

Com soluções inovadoras que conectam a Instituição de Saúde à eficiência digital, a Soluti dispõe de um amplo portfólio de produtos e serviços especialmente desenvolvidos para o setor.

Dessa forma, são proporcionados processos interligados, ágeis e seguros, os quais refletem positivamente na percepção de valor e, simultaneamente, nos resultados econômicos do Hospital, zelando pela perenidade das organizações.

Vale lembrar que por meio de processos simplificados, a geração de valor acontece de forma espontânea nas rotinas diárias, prescindindo a realização de outras ações onerosas.

 Com soluções em tecnologia, o ciclo de geração de valor contempla Hospitais, corpo clínico e pacientes. Confira:

Hospital

  • Redução dos custos operacionais com impressões, insumos, armazenamento da prescrição e estrutura de HSM.
  • Redução de glosas médicas e hospitalares.
  • Processos ágeis e digitais, que contemplam a sustentabilidade financeira e ambiental da instituição.
  • Adequação à LGPD, com recursos em Inteligência Artificial (IA) e criptografia para a proteção dos dados.

Corpo clínico

  • Telemedicina e prescrições a distância são viabilizadas.
  • Padronização do atendimento médico, diminuindo riscos de falhas.
  • Aumento da produtividade dos profissionais ao eliminar burocracias.
  • Centralização das informações do paciente.

Pacientes

  • Melhora a experiência do paciente, contribuindo para a adesão ao tratamento.
  • Com a versão online, o paciente elimina a chance de perda da prescrição, garantindo ainda a leitura correta da receita médica
  • Jornada mais ágil e segura, diminuindo as chances de dosagens erradas.
  • Histórico médico centralizado e disponível.

 

Desse modo, a tecnologia alia-se estrategicamente às Instituições de Saúde, propiciando a geração de valor e o alcance de resultados satisfatórios. Um desses avanços tecnológicos é justamente a interoperabilidade entre os sistemas, tema central do e-book gratuito desenvolvido pela Soluti.

Para acessar o material, clique no banner abaixo:

 

[https://idtech.soluti.com.br/ebook-interoperabilidade-na-saude]

EXPEDIENTE AHEG

 16/05/2022

  A AHEG informa que, devido ao feriado da padroeira de Goiânia na terça-feira (24/05), não haverá expediente no dia 23/05.

Capacitação - Difteria (12 de maio de 2022)

 10/05/2022

Prezados(as)   A Superindencia de Vigilancia em Saúde/ GVEDT/CDIR está convidando você para uma Capacitaçao em Difteria através Zoom agendada. dia 12/05/2022 , com inicio ás 14:00 hs. Segue anexo , programaçao Tópico: Capacitação em Difteria Hora: 12 mai. 2022 01:30 da tarde São Paulo Entrar na reunião Zoom https://us06web.zoom.us/j/89291522169?pwd=RzBtM0RpWkdTK1ZwUUtWYWtGWFVhQT09 ID da [...]

EXPEDIENTE

 20/04/2022

A AHEG informa que não terá expediente no dia 22/4 (sexta-feira), em função do feriado de Tiradentes (21/04).